Regulamento Técnico e Desportivo - "Turismos"

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Regulamento Técnico e Desportivo - "Turismos"

Mensagem  Fernando Neves em Qua Fev 24, 2016 12:54 pm

Boas,

Aqui fica o Regulamento Técnico e Desportivo - "Turismos".

-------------------------------------------------------------------

REGULAMENTO TÉCNICO E DESPORTIVO – “Turismos”

1 – O evento designado Campeonato “Turismos” é uma prova de velocidade em circuito fechado, para modelos de viaturas da classe “Turismos”, que tenham corrido a partir de 1990, inclusivé.

2 – Modelos
Os modelos que poderão ser inscritos devem reproduzir os carros da classe de “Turismos” de qualquer do fabricante. Estão excluídos os slot’s da classe de “DTM”.

3 – Provas
a) Datas
- 1.ª prova: 21 de Maio de 2016, pelas 14:30 Horas – Setúbal Slot Racing;
- 2.ª prova: 11 de Junho de 2016, pelas 14:30 Horas - Setúbal Slot Racing;
- 3.ª prova: 25 de Junho de 2016, pelas 14:30 Horas – Setúbal Slot Racing;
- 4.ª prova: 2 de Julho de 2016, pelas 14:30 Horas – Setúbal Slot Racing;
- 5.ª prova: 16 de Julho de 2016, pelas 14:30 Horas – Setúbal Slot Racing;
- 6.ª prova: 30 de Julho de 2016, pelas 14:30 Horas - Setúbal Slot Racing.
b) A pista deve fornecer 13V às respectivas calhas.
c) O campeonato é constituído por 6 provas de velocidade com a duração de 5 minutos por calha, multiplicada pelo número de calhas que compõe a pista, fazendo-se as mangas que se mostrarem necessárias em função dos pilotos que se apresentarem.
d) Apenas é permitido efectuar assistência técnica aos modelos, em tempo de corrida, na duração de cada manga, e nos locais próprios para o efeito, a indicar pela organização.
e) Os pilotos terão de pistar os demais nas mangas em que não concorrerem.
f) As calhas atribuídas inicialmente a cada piloto, serão sorteadas, apenas na 1.ª prova. Nas seguintes a composição de cada manga é efectuada em função da classificação do campeonato, por ordem inversa à mesma.
g) A troca de calhas, no final de cada manga, será efectuada pelos concorrentes.
h) Ganhará a prova, o concorrente que perfizer a maior distância percorrida.
i) É proibido aplicar nos pneus dos carros, qualquer aditivo.
j) É permitido limpar os pneus, nas mudanças de calha.
k) Os treinos livres decorrerão durante a manhã partir das 10:00 até 12:00 horas, do dia da prova.
l) A Direcção do presente Evento é da responsabilidade dos elementos do Setúbal Slot Racing.
m) A numeração dos carros será fornecida pela organização, devendo os carros manter colocado na sua carroceria, o respectivo autocolante até ao final da prova.

4 – Classificação
A vitória final caberá ao concorrente que maior número de pontos tiver no final do Campeonato (em caso de empate será diferenciado pelo numero de vitórias e assim subsequentemente).

5 – Carroceria
a) Modelos/Slot, da classe de “Turismos”, em plástico injectado, não sendo permitido qualquer alteração da carroçaria, ou de qualquer uma das suas partes, devendo conservar todas as suas proporções, em todas as dimensões.
b) Será permitido retirar os elementos meramente decorativos, como os retrovisores (se separados da carroceria).
c) A decoração é livre
d) Os parafusos de fixação poderão ser substituídos por outros mantendo os pinos de fixação na sua posição original.

6 – Chassis
a) Somente permitido utilizar o chassis original do veículo, que o fabricante atribui à carroceria sem modificação alguma. Não é permitido a utilização de chassis em impressão 3D.
b) O suporte do motor permitido, pode ser qualquer um, desde que suporte um motor longo ou curto, nas posições de transmissão permitidas.
c) Os ímanes são proibidos, excepto os próprios indutores do motor.
d) O suporte do patilhão é o original do chassis, sem nenhuma modificação.
e) É permitido reforçar o suporte do patilhão, bem como, a utilização de anilhas que limitem o seu movimento vertical.
f) O suporte do eixo traseiro deverá ser o original do chassis sem modificação alguma.

7 – Eixos
a) Os eixos são livres, devendo estar colocados obrigatoriamente no perímetro original dos suportes dos mesmos, no chassis.
b) As chumaceiras são livres.
c) É permitida a utilização de anilhas ou espaçadores, para redução das folgas laterais nos eixos.
d) Podem ser colocadas chumaceiras no eixo da frente.
e) É permitido utilizar suspensão.

8 – Rodas
a) As rodas completas (jante e pneu) montadas no eixo, são livres, não podendo sobressair da carroceria.
b) As 4 rodas devem apoiar numa superfície plana, em posição estática.
c) É permitida a utilização de capas no eixo dianteiro, podendo, no entanto serem envernizados, mas com verniz incolor ou preto.

9 – Transmissão
a) Pinhão - livre.
b) Cremalheira - livre.
c) Configuração da transmissão em linha e em sidewinder.
d) Não é permitido utilizar a tracção 4x4.

10 – Guia, Cabos e Patilhas
a) Os cabos são livres.
b) O patilhão é livre e não poderá sobressair da frente do modelo.
c) As patilhas são livres.

11 – Motores
a1) Qualquer motor “longo” em linha até 21.500 rpm a 12 V.
a2) Qualquer motor “curto” em linha colocado à frente até 23.000 rpm a 12 V.
a3) Qualquer motor em sidewinder até 23.000 rpm a 12 V.
b) Os motores podem ser colados ou, cintados com fita-cola.
c) Os motores devem respeitar as suas características de série, e sem nenhuma modificação, devendo conter os componentes que originalmente são fornecidos, e deverão estar selados, não se admitindo qualquer manipulação, nem, a adição de nenhum elemento eléctrico, mecânico ou electrónico que altere o seu rendimento, ou campo magnético.
d) O eixo do motor deve conservar-se de série.
e) A organização apreciará em cada caso concreto, se, o consumo, e as demais características do motor, em vazio, e, em carga, estão dentro das margens preestabelecidas.
f) Para o efeito previsto na alínea anterior, o concorrente deverá comunicar organização, quando lhe for solicitado, qual a relação de transmissão, e/ou o pinhão e cremalheira que utilizou no carro.

12 – Pesos e Medidas
a) Não permitido qualquer aligeiramento da carroceria apresentada pelo fabricante, excepto no definido no presente regulamento.
b) A distância mínima do chassis e/ou motor ao solo é de 0,3 mm à frente e 1 mm atrás na zona do eixo traseiro.
c) Os únicos elementos não abrangidos pela limitação constante da alínea anterior, são o patilhão (patilhas) e as quatro rodas.

13 – Penalizações e Verificações Técnicas
a) A não conformidade técnica do modelo, com o presente regulamento, por cada irregularidade detectada, será motivo de desclassificação na prova.
b) A organização do evento, tem o direito de verificar a compatibilidade técnica dos modelos concorrentes, com o presente regulamento, em qualquer momento da respectiva prova, e sempre que o entender.

14 – Inscrição
Inscrição na prova - 3 cremalheiras (1 classe) e 5 cremalheiras (“Grupo 5” e “Turismos”).

15 – Disposições Gerais
Os casos omissos e todos os aspectos não contemplados neste regulamento técnico serão avaliados e analisados pela organização, que, sendo soberana, se reserva o direito de deliberar sobre os casos omissos.

Pela organização,
Setúbal Slot Racing

Fernando Neves

Mensagens : 61
Data de inscrição : 21/09/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Regulamento Técnico e Desportivo - "Turismos"

Mensagem  Fernando Neves em Dom Mar 06, 2016 8:30 pm

Caros Amigos Slotistas,

Aditamento n.º 1 - Campeonato "Turismos"

Os pontos abaixo indicados do Regulamento Técnico e Desportivo - Campeonato "Turismos", passam a ter a seguinte redacção.

----------------------------------------------------------------------------------------------

9 – Transmissão
a) Pinhão - livre.
b) Cremalheira - livre.
c) Quaisquer configurações da transmissão, em linha, sidewinder e em anglewinder.
d) Não é permitido utilizar a tracção 4x4.

11 – Motores
a1) Qualquer motor “longo” em linha até 21.500 rpm a 12 V.
a2) Qualquer motor “curto” em linha colocado à frente até 23.000 rpm a 12 V.
a3) Qualquer motor em sidewinder até 23.000 rpm a 12 V.
a4) Qualquer motor “longo” em anglewinder até 21.000 rpm a 12 V.
b) Os motores podem ser colados ou, cintados com fita-cola.
c) Os motores devem respeitar as suas características de série, e sem nenhuma modificação, devendo conter os componentes que originalmente são fornecidos, e deverão estar selados, não se admitindo qualquer manipulação, nem, a adição de nenhum elemento eléctrico, mecânico ou electrónico que altere o seu rendimento, ou campo magnético.
d) O eixo do motor deve conservar-se de série.
e) A organização apreciará em cada caso concreto, se, o consumo, e as demais características do motor, em vazio, e, em carga, estão dentro das margens preestabelecidas.
f) Para o efeito previsto na alínea anterior, o concorrente deverá comunicar organização, quando lhe for solicitado, qual a relação de transmissão, e/ou o pinhão e cremalheira que utilizou no carro.

Pela organização,
Setúbal Slot Racing

Fernando Neves

Mensagens : 61
Data de inscrição : 21/09/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum